sábado, 7 de julho de 2018

Festa da Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Warnow Alto - Indaial SC

Festa na Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Warnow Alto - Indaial 
No dia 4 outubro de 2016, estivemos pela primeira vez na comunidade da Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Warnow Alto - Indaial SC.
Naquela época foi entregue a obra de restauração da pintura mural da igreja. Escrevemos sobre o momento e também sobre a arquitetura da igreja. Arquitetura conhecida e construída no norte da Alemanha e neste momento, podemos afirmar, igualmente no território da Polônia, do qual, parte do território, pertencia à Alemanha.
Em outubro de 2016 - Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Warnow Alto - Indaial SC

Para ler sobre sua Arquitetura e a entrega do mural - Clicar sobreIgreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Indaial

Clóvis  Marcelo Mandel tocando bandoneon
Retornamos ao local de Warnow Alto no dia 1° de julho de 2018 para prestigiar e registrar uma das tradições locais que é a festa da comunidade da Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Quando estávamos do Tanz in Blumenau 2018 - Vila Germânica - Blumenau, fomos alertados por Clóvis Marcelo Mandel sobre o evento na Comunidade de Warnow Alto. Clóvis nasceu na comunidade e nos despertou uma curiosidade, quando disse-nos que muitas famílias que chegaram à região eram famílias polonesas, como também é a origem do nome Warnow.
Com o objetivo de elucidar melhor este fato histórico, além de registrar a festa popular da comunidade, visitamos o pequeno cemitério junto ao templo religioso histórico e percebemos que muitos dos sepultados e pioneiros na região - nascidos na primeira metade do século XIX, eram integrantes de famílias cujo nome era polonês. Uma lápide de um dos túmulos chamou nossa atenção.  Esta lápide pertencia a uma senhora de família polonesa - Josefa Kuskowski - que nasceu no ano de 1836 e faleceu no ano de 1946  com a idade de 110 anos. Josefa foi sepultada ao lado de seu esposo Adão Kuskowski, o qual, também faleceu com mais de 90 anos - com a idade de 96 anos.
No cemitério ao lado da  Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - Warnow Alto -  Indaial SC
Além dos nomes dos pioneiros poloneses nas lápides do pequeno cemitério, foi inevitável não observar traços da tipologia étnica polonesa no rosto dos descendentes na comunidade atual.

As imagens comunicam - Dia de festa na comunidade católica...
Caminho até Comunidade da Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

"Loteamento" legalizado pelos órgãos oficiais vigentes
Estrada com as características das primeiras estradas do interior da Colônia Blumenau - estrada de Warnow Alto - Indaial , que margeia o ribeirão com o mesmo nome - ribeirões e rios que estruturam as primeiras nucleações que surgiam às suas margens, uma das características das cidades alemãs, até os dias atuais. Nestas estradas, nos primeiros tempos percorriam carroções tracionados a forca animal ou mesmo à cavalo.
Ponte sobre o Riberao Warnow - Caminhos de Warnow Alto. A ponte histórica de madeira já foi coberta. No local ainda resta alguma coisa de sua estrutura de madeira - Indaial SC
Ribeirão Warnow

Festa na  Igreja N. Senhora do Perpétuo Socorro - Warnow Alto
A linguagem arquitetônica da Capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é a linguagem conhecida como Backsteinexpressionismus - Arquitetura expressionista com tijolos. É uma arquitetura característica do norte da Alemanha que surgiu a partir da segunda década do século XX. Foi marcante e contribuiu muito para a formação da identidade da paisagem daquela região após a 1°Guerra Mundial, cuja parte da região, no término da guerra passou a fazer parte do território da Polônia.

Campanário da Igreja

O Backsteinexpressionismus é uma das muitas linguagens da arquitetura que utilizava tijolos maciços comuns ou Klinkern nas vedações ou paredes - elevações das edificações - norte da Alemanha e na Polônia. Os Klindern, são tipos de tijolos com queimas diferenciadas do tijolo comum - adquirindo colorações mais intensas e vibrantes e muitas vezes com nuances diferentes nas peças. Com a queima sob altas temperaturas, os tijolos ficam mais densos, menos porosos e também mais resistentes. O nome faz alusão ao impacto de dois destes tijolos - o som resultante é alto.
Na foto detalhes do Backsteinexpressionismus.


Interior da igreja - é marcado pela presença de duas grandes colunas feitas de madeira macica e inteira - desprovida de emendas.

Madeira macica

Escada para o coro

Piso - ladrilho hidráulico



Forro instalado na forma de arco, com t´buas beneficiadas em encaixe "macho fêmea", decorada com pintura mural.

Interior da igreja

Detalhes da pintura mural - restaurada em 2016.





 








Churrasco "Alemão"













A linguagem arquitetônica do Backsteinexpressionismus se desenvolveu no mesmo período - contemporâneo à Escola da Bauhaus. Ao mesmo tempo que a Bauhaus defendia e implantava a "limpeza" das fachadas - retirando os adornos e o decorativismo, os arquitetos do Backsteinexpressionismus desenvolviam uma linguagem ornamental no design de suas fachadas, passando a sensação de movimento e inquietude, como que, além de expressar a dinâmica do tempo, também apresentava a sua gravidade e tensões.


Conta a história que a capela recebeu autorização para ser construída no dia 22 de setembro de 1902. Sua localização seria outra - distante 100 metros do local atual. A capela começou a ser construída mesmo, no ano de 1924, pelo alemão Júlio Stoy. Por certo teve contato com a arquitetura do norte da Alemanha e da Polônia conhecida Backsteinexpressionismus. Se tivesse sido construída em 1902 - sua linguagem seria outra.
Traços de famílias polonesas locais














Crianças brincando de esconde esconde na festa

















Cemitério junto à Igreja























Herança cultural de um lugar,
 presente nas suas práticas e no seu espaço - Warnow Alto.






































Nenhum comentário:

Postar um comentário